Mercedes-Benz fecha semestre com mais da metade do mercado de ônibus

Mercedes-Benz fecha semestre com mais da metade do mercado de ônibus

Marca fez o emplacamento de cerca de 5 mil unidades nos primeiros seis meses do ano e chassi O 500 RSDD 8x2 para carroçarias Double Decker e High Decker com ESP, EBS e freio a tambor é novidade no segmento rodoviário

DAF amplia sua rede de revendas
Santos Brasil cria centro tecnológico para controle de operações em Santos (SP)
Caminhões Volvo da mesma geração da Europa no Brasil

A Mercedes comemora a mais um semestre de liderança no mercado de ônibus brasileiro. A empresa fechou os seis primeiros meses de 2019 com cerca de 5.000 unidades emplacadas, volume 55% superior às 3.218 unidades do mesmo período de 2018. Com isso, conquistou 52,5% de participação de mercado no segmento acima de 8 toneladas de PBT – peso bruto total.

“As renovações e ampliações de frota do transporte coletivo urbano vêm puxando as vendas do setor neste ano”, afirma Walter Barbosa, diretor de Vendas e Marketing Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil. “Vale destacar o emplacamento de 2.989 ônibus da marca neste segmento, alcançando a liderança em urbanos com 76% de market share. Esse volume de vendas é 37% maior em relação às 2.171 unidades do primeiro semestre do ano passado”.

No segmento rodoviário, a liderança da Mercedes-Benz supera os 56% de participação de mercado, com o emplacamento de 835 unidades e crescimento de 21% no volume de vendas frente às 687 unidades do mesmo período de 2018.

O 500 RSDD com ESP, EBS e freio a tambor é novidade em 2019

No primeiro semestre de 2019, a Mercedes-Benz lançou uma grande novidade para o ônibus rodoviário O 500 RSDD 8×2. Já está disponível aos clientes os sistemas ESP (controle eletrônico de estabilidade) e EBS (sistema eletrônico de freio) juntamente com freio a tambor, todos itens de série deste modelo. Além de ampliar o padrão de segurança do veículo, isso facilita a manutenção, reduzindo assim o custo operacional.

O chassi O 500 RSDD 8×2 de 4 eixos é indicado para carroçarias de até 14 ou 15 metros de comprimento, nas configurações Double Decker (ônibus de dois pisos com assentos para passageiros) e High Decker (piso superior com assentos e piso inferior exclusivo para bagagens).

O conjunto ESP e EBS com freio a tambor também pode ser solicitado, como opcional, para os chassis rodoviários O 500 RS e RSD 6×2, que já contam com a versão de freios a disco de série, ampliando as opções de escolha para os clientes.

“Com a evolução do mercado, o O 500 RSDD deixou de ser um produto de nicho, passando a atender um segmento em crescimento, especialmente para médias e longas distâncias e turismo de luxo”, diz Walter Barbosa.

Agência Transporta Brasil (ATB)
agencia@transportabrasil.com.br

+ Saiba tudo do mundo do transporte rodoviário. Curta nossa página no Facebook!
Agência Transporta Brasil – ATB

COMMENTS