Governo deve antecipar aumento da mistura de biodiesel no diesel

Acréscimo saltaria dos atuais 8% para 10%, e já valeria para março de 2018

AQCES recebe prêmio de melhor transportadora da Raízen
Deputados aprovam MP que amplia mistura de biodiesel e etanol em combustíveis
Adolescente americana ganha prêmio de inovação por descoberta na área de biocobustível

O governo brasileiro deve anunciar oficialmente até o fim de 2017 a antecipação, para março do ano que vem, do aumento da mistura de biodiesel no diesel dos atuais 8% para 10%. Foi o que disse o secretário de Petróleo e Gás do Ministério de Minas e Energia, Márcio Félix, no dia 15/9. Resta agora uma resolução do Conselho Nacional de Política Energética (CNPE) para regulamentar a elevação.

A medida deve beneficiar especialmente a indústria de soja, que responde pela maior parte da matéria-prima utilizada para a fabricação de biodiesel no Brasil.

A ideia é que o anúncio sobre a mistura seja feito o mais rápido possível para que haja tempo de a indústria de fornecedores se preparar.

A perspectiva anterior era que o chamado B-10 entrasse em vigor em março de 2019, mas ele será antecipado em um ano.

COMMENTS