Movimentação de soja deve registrar forte alta em fevereiro

Estão previstas operações com cerca de 4,39 milhões de toneladas nos portos do Brasil

Brasil poderá ter safra recorde de grãos, com 241,3 milhões de toneladas
Safra de grãos deve ultrapassar 160 milhões de toneladas
RodoLinea cria solução para evitar o desperdício de grãos nas estradas

movimentacao-soja

A escala de navios que carregarão grãos no Brasil em fevereiro poderá apresentar uma forte alta nos embarques de soja, chegando a dobrar em relação ao mesmo período de 2016.

Estão previstas operações envolvendo 4,39 milhões de toneladas de soja em fevereiro, incluindo também alguns navios que já previstos para março, o que representa uma alta de 97% ante a escala de 12 meses atrás, segundo dados da Wilson Sons Agência Marítima.

“Isso é reflexo da forte demanda internacional e uma combinação de uma colheita correndo rápida e normal e uma ausência de atrasos significativos nos embarques de soja”, disse o diretor da corretora Cerealpar no Brasil e consultor do Kordin Grain Terminal, em Malta, Steve Cachia.

Neste ano a soja não está enfrentando concorrência nos portos com milho, o que ocorreu nos terminais no mesmo período do ano passado. Números preliminares das exportações de janeiro do Brasil já indicaram um início mais forte dos embarques de soja na safra 2016/17, enquanto no caso do milho a atividade exportadora está mais fraca.

Uma grande oferta de caminhões e diversos terminais portuários foram inaugurados ou elevaram capacidade de movimentação nos últimos anos, o que auxilia no resultado envolvendo a soja.

COMMENTS