Porto de Santos (SP) apresentou queda de 5,1% na movimentação em 2016

Segundo Codesp, baixa exportação de milho foi determinante para o resultado final

Lufthansa Cargo diminui consumo de combustível e emissão de CO2 com contêineres mais leves
Movimentação nos portos brasileiros cresce 5% no 2º trimestre de 2014
Nova tecnologia reduz 30% do tempo de descarga no Porto de Santos (SP)

porto-de-santos-17

O Porto de Santos (SP) apresentou queda de 5,1% na movimentação do ano passado, o que resultou em 113,815 milhões de toneladas. O fator agravante foi a exportação de milho, reduzida praticamente pela metade.

Apesar disso, o relatório divulgado pela Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp), o total obtido em 2016 foi o terceiro melhor na história do complexo portuário, perdendo apenas para 2015 e 2013.

Ainda em janeiro, a Codesp chegou a divulgar uma projeção para o fechamento do último exercício, estimando um total de 113,4 milhões de toneladas, porém houve uma diferença de 400 mil toneladas.

As exportações somaram 81,42 milhões de toneladas, o que está 7% abaixo do contabilizado no ano passado (87,56 milhões de toneladas). Já as importações chegaram a 32,39 milhões de toneladas, 0,1% acima das descargas verificadas em 2015 (32,366 milhões de toneladas).

Ao longo de 2016, o Porto de Santos teve 4.723 atracações, 8,2% menos do que as 5.144 escalas de 2015.

COMMENTS