Safra 2016/2017 de cana-de-açúcar deve chegar a mais de 694 milhões de toneladas

Levantamento da Conab aponta que número representa um crescimento de 4,4% em relação à safra anterior

Transportadores cruzam os braços por melhorias no terminal de Rondonópolis (MT) da ALL
Brasil poderá ter safra recorde de grãos, com 241,3 milhões de toneladas
Mais 100 Actros para o agronegócio

safra-cana

Segundo dados apontados no 3º Levantamento da Safra 2016/2017, divulgado nesta terça-feira (20/12), pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a produção de cana-de-açúcar deverá chegar a 694,54 milhões de toneladas.

A estimativa representa um crescimento de 4,4% em relação à safra anterior, que havia sido de 665,59 milhões de toneladas. Além disso, a área a ser colhida foi calculada em 9,1 milhões de hectares, acréscimo de 5,3% em comparação com o período de 2015/16, que foi de 8,6 milhões de hectares.

A produção de açúcar deverá atingir 39,8 milhões de toneladas, 18,9% superior à safra 2015/16, que chegou a 33,5 milhões de toneladas. Por outro lado, a produção de etanol deve recuar 8,5% em relação à safra anterior, de 30,5 milhões de toneladas, ficando em 27,9 bilhões de litros. Já o etanol anidro, utilizado na mistura com a gasolina, deverá subir 1,5%, chegando a 11,4 bilhões de litros. Na safra anterior, a produção chegou a 11,2 bilhões de litros.

No caso do etanol hidratado, produção deverá atingir 16,5 bilhões de litros, redução de 14,3% ou 2,8 bilhões de litros, comparado à safra passada (19,2 bilhões de litros), resultado do menor consumo deste combustível.

COMMENTS