Boeing firma acordo bilionário com Iran Air para fornecimento de 80 aeronaves

Primeiras unidades estarão disponíveis para companhia iraniana a partir de 2018

Embraer recebe certificado de produção para os jatos Phenom 300 nos EUA
Turkish Airlines amplia frequência de voos internacionais
Correios planejam aquisição de parte de empresa aérea de cargas

boeing-iran-air

A fabricante de aeronaves Boeing e a Iran Air anunciaram no dia 12/12 um contrato de fornecimento de 80 aeronaves no valor de US$ 16 bilhões a preço de lista. Acordo inclui 50 aviões de corredor único 737 MAX 8 e outras 30 de fuselagem larga 777; 15 Boeing 777-300ER e 15 777-9.

Em nota, a Boeing informou que, com base no Memorando de Acordo que a Iran Air havia noticiado em junho, o contrato foi discutido dentro dos termos de licença do governo dos EUA emitido a Boeing em setembro, após Washington levantar o embargo ao Irã que desde 1995 impedia os fabricantes ocidentais em vender peças e equipamentos ao operadores iranianos.

Atualmente, a frota da Iran Air tem aeronaves com a idade aproximada de três décadas. A entrega das primeiras unidades estão programas para 2018.

Ainda de acordo com a Boeing, o contrato deverá gerar dezenas de milhares postos de trabalho nos EUA, que estão associados à produção e entrega dos 777-300ER. A fabricante americana ainda prevê uma criação de 100 mil postos de trabalhos na indústria aeroespacial dos EUA para o curso completo de entregas.

COMMENTS