Ônibus da Scania usa lixo como combustível

Ônibus da Scania usa lixo como combustível

Modelo ecológico pode ser movido usando dejetos de animais e outros tipos de lixos orgânicos

Scania dá um gás nas tecnologias de energias mais limpas
Ônibus Scania a GNV e Biometano começa a rodar em Curitiba
Empresas querem caminhões a gás em suas operações

scania biometano

Assim como Doc Brown e Marty Mcfly abastecerem o DeLorean com lixo para viajar no tempo, no filme De volta para o Futuro, a Scania testa um prototipo de ônibus movido biometano ( gás que pode ser produzido através de dejetos de animais e outros tipos de lixo orgânico) e GNV (Gás Natural Veicular) que pretende avançar em alguns anos a busca por um tipo de combustível sustentável.

+ Scania apresenta seu primeiro caminhão híbrido

Com 15 m de comprimento e capacidade para até 130 passageiros, o modelo “verde” está sendo testado em algumas cidades do país. A última foi São Paulo, onde rodou 5 000 km acompanhado por outro, de mesmo porte, a diesel.

O resultado, aferido pela Netz Engenharia Automotiva, mostrou uma economia de 28% por km em relação ao modelo convencional.

+ Safra recorde vai aquecer vendas de caminhões em 2016, prevê Fenabrave

No primeiro teste, feito entre outubro e novembro de 2014 na hidrelétrica Itaipu Binacional, em Foz do Iguaçu (PR), o veículo rodou 3 000 km apenas com biometano proveniente de dejetos de aves. O custo foi inferior ao de um modelo a diesel em cerca de 60%, segundo a marca, que explica que, em comparação com um veículo similar a diesel, ele emite 85% menos gases poluentes se abastecido com biometano, e 70% menos se estiver com GNV.

+ Fique por dentro de tudo o que acontece no Transporte e na Logística pelo Facebook

 

 

COMMENTS