Demanda doméstica por transporte aéreo de passageiros sobre 1,2% em maio

Índice completou 20 meses consecutivos de alta, em seu maior nível para o mês nos últimos dez anos

Aeroporto Internacional de Natal (RN) amplia capacidade de operação
Motor Rolls-Royce equipará aeronaves da Lufthansa
Demanda por pilotos de helicóptero cresce no Brasil

aeroporto-cumbica-passageir

A Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) informou nesta segunda-feira 29/6 que a demanda doméstica por transporte aéreo de passageiros teve alta de 1,2% em maio na comparação com igual período de 2014. A oferta cresceu 1,7%.

Com o resultado de maio, a demanda doméstica completou 20 meses consecutivos de alta, em seu maior nível para o mês nos últimos dez anos. Já a oferta doméstica teve o nono mês consecutivo de crescimento.

Entre as principais empresas aéreas brasileiras, Gol e Tam lideraram o mercado doméstico em maio de 2015, com participações de 36,5% e 36,1%, respectivamente. A Tam registrou queda de 5,3% em sua participação de mercado, enquanto a Gol apresentou aumento de 3% neste indicador.

Entre as principais empresas aéreas brasileiras, Avianca registrou o maior crescimento em sua participação no mercado doméstico em maio de 2015, quando comparada com maio de 2014, passando de 8,5% para 9,4% (crescimento de 10,3%), enquanto a participação da Azul variou de 17,1% para 17,0% (redução de 0,9%).

A taxa de aproveitamento das aeronaves em voos domésticos operados por empresas brasileiras em maio de 2015 foi da ordem de 78,1%, redução de 0,4% em relação ao mesmo mês de 2014.

COMMENTS