China anuncia fabricação dos primeiros aviões elétricos de passageiros

Duas unidades concluídas serão utilizadas para o treinamento de pilotos pela empresa Aviação Geral Ruixiang

Vencedor do leilão de Viracopos não prevê investimentos em curto prazo
Tam anuncia construção de hangar de manutenção no aeroporto de Guarulhos (SP)
Infraero homologa licitação para projetos no Aeroporto de Macapá (AP)

aviao-china-eletricoFoi anunciado nesta sexta-feira (19/6) por autoridades chinesas que foi concluída a fabricação dos dois primeiros aviões elétricos de passageiros produzidos no país. As unidades serão utilizadas para o treinamento de pilotos.

A empresa Aviação Geral Ruixiang comprou as duas primeiras unidades deste modelo, nomeado RX1E, por um preço próximo a um milhão de iuanes (cerca de US$ 163 mil) cada uma.

A Universidade Aeroespacial da cidade de Shenyang e a Academia Geral de Aviação da província de Liaoning são os responsáveis pelo projeto.

Veículo é capaz de ser carregado em duas horas e tem entre 45 minutos e uma hora de autonomia. O modelo pode voar a uma altitude de até três mil metros e a uma velocidade máxima de 160 km/h. Mede 14,5 metros entre os dois extremos de suas asas e que tem capacidade para transportar 230 quilos.

Os aviões podem ser aplicados no turismo, em operações de resgate ou para o estudo da meteorologia. A fabricante recebeu até agora 28 pedidos.

COMMENTS