Ferroeste deve quadruplicar transporte de grãos e escoamento de produtos

Segundo companhia, transporte de grãos subirá de 80 mil toneladas para 250 mil toneladas

Governo do Paraná inicia projeto visando aprimorar escoamento de madeira
Escoamento da Safra ainda perde R$ 3,5 bilhões ao ano por falta de infraestrutura
Paraná projeta 38,2 milhões de toneladas de grãos entre as safras de verão e de inverno 2012/13

ferroeste-06-14

A operadora de transporte ferroviário Ferroeste anunciou que deve ampliar em quatro vezes o transporte de grãos e o escoamento de produtos na Cooperativa Agrária Agroindustrial, vindos da região Oeste para Guarapuava.

Com o contrato firmado, o transporte de grãos subirá de 80 mil toneladas para 250 mil toneladas.

Já foram investidos pela cooperativa R$ 1,1 milhão, que vão auxiliar na aceleração do descarregamento de vagões da Ferroeste.

A moega Ferroviária da Agrária (equipamento para desembarque de grãos) tem capacidade de descarregamento de oito vagões por hora, sendo três vezes mais rápido que o sistema anterior. A empresa, que está investindo R$ 200 milhões na melhoria de suas instalações, agora vai também usar o novo equipamento para escoar outras produções.

A Cooperativa hoje tem 616 cooperados, 1.165 funcionários e fatura mais de R$ 2,2 bilhões. Tem cadeias de produção com soja, cevada, trigo e milho, além de atuar diretamente no setor de bebidas, ração animal e maltes.

COMMENTS