Indústria ferroviária faturou R$ 5,6 bi em 2014

Indústria ferroviária faturou R$ 5,6 bi em 2014

Segmento fabricou 703 vagões de carga, 374 carros de passageiros e 80 locomotivas ao longo do ano

Ford quer desenvolver “carro inteligente”
Coluna Autos Giros 2020 – ed #10 – com Daniel Jacques
Renault do Brasil atinge marca de três milhões de motores fabricados

amstedmaxion-vagao-double-s

De acordo com a Abifer (Associação Brasileira da Indústria Ferroviária), o segmento que fabrica equipamentos para o transporte via linha férrea faturou em 2014 R$ 5,6 bilhões, o que representa um crescimento de 24% em relação ao ano anterior, quando fechou em R$ 4,5 bilhões.

A entidade afirma que ao longo do ano passado foram produzidos e entregues 4.703 vagões de carga, 374 carros de passageiros e 80 locomotivas.

O número de vagões corresponde ao dobro do fabricado em 2013, quando foram entregues apenas 2.280 unidades. Na produção de carros de passageiros houve avanço da ordem de 70%, comparada às 219 unidades fabricadas no ano anterior. Já a fabricação de locomotivas se manteve estável ante as 83 unidades de 2013.

Sem determinar em números especificamente, a Abifer também indicou projeções para 2015, que apontam para a produção e entrega de quatro mil vagões, sendo 75 para exportação, 420 carros de passageiros (90 para exportação) e 90 locomotivas (10 para exportação), com previsão de “ligeiro” aumento do faturamento.

“A indústria ferroviária brasileira continua investindo fortemente em toda a sua cadeia produtiva, tanto na aplicação de tecnologia de ponta e no treinamento de sua mão de obra, quanto na construção, expansão e modernização de suas fábricas”, disse o presidente da Abifer, Vicente Abate.

O dirigente afirma que os investimentos da indústria previstos para o triênio 2014/2016 são estimados entre R$ 400 milhões e R$ 600 milhões.

COMMENTS