Demanda global por transporte aéreo de cargas cresce 4,2% em novembro de 2014

No acumulado do ano, índice divulgado pela IATA chega apresenta acréscimo de 4,4%

TAP e a Gol iniciam operação de voos em code-share
Número de passageiros transportados cresce 12,5% na aviação brasileira em janeiro
Primeiro Airbus A350 com asas completas aparece em testes na França

jk-aeroporto-brasilia

A Associação Internacional do Transporte Aéreo (IATA, na sigla em inglês) informou que a demanda global por transporte aéreo de cargas cresceu 4,2% em novembro de 2014, considerando voos domésticos e internacionais. No acumulado dos onze primeiros meses do ano passado, o índice chega a 4,4%.

A América Latina apresentou o pior resultado regional em novembro, recuando 0,7%, ante igual período de 2013. O melhor desempenho veio do Oriente Médio, com aumento de 12,9%.

A capacidade das empresas para atender com transporte de cargas registrou aumento de 3,3% em novembro de 2014, na comparação anual. De janeiro a novembro, a oferta para o envio de remessas apresentou acréscimo de 3,6%.

“Mais bens estão sendo comercializados internacionalmente, o que está alimentando o crescimento das cargas aéreas. Neste ano, projetamos um crescimento do frete aéreo de 4,5%, acima da projeção de expansão do comércio mundial, de 4%”, disse o diretor geral e CEO da IATA, Tony Tyler.

COMMENTS