Demanda global por transporte aéreo de cargas cresce 4,2% em novembro de 2014

No acumulado do ano, índice divulgado pela IATA chega apresenta acréscimo de 4,4%

Infraero planeja investir R$ 680 milhões em terminais de carga até 2017
Aeroporto Internacional Tom Jobim (RJ) recebe autorização para operar voos com super jatos
Avianca será transportadora oficial do Festival de Cinema de Gramado (RS)

jk-aeroporto-brasilia

A Associação Internacional do Transporte Aéreo (IATA, na sigla em inglês) informou que a demanda global por transporte aéreo de cargas cresceu 4,2% em novembro de 2014, considerando voos domésticos e internacionais. No acumulado dos onze primeiros meses do ano passado, o índice chega a 4,4%.

A América Latina apresentou o pior resultado regional em novembro, recuando 0,7%, ante igual período de 2013. O melhor desempenho veio do Oriente Médio, com aumento de 12,9%.

A capacidade das empresas para atender com transporte de cargas registrou aumento de 3,3% em novembro de 2014, na comparação anual. De janeiro a novembro, a oferta para o envio de remessas apresentou acréscimo de 3,6%.

“Mais bens estão sendo comercializados internacionalmente, o que está alimentando o crescimento das cargas aéreas. Neste ano, projetamos um crescimento do frete aéreo de 4,5%, acima da projeção de expansão do comércio mundial, de 4%”, disse o diretor geral e CEO da IATA, Tony Tyler.

COMMENTS