Comércio eletrônico brasileiro movimenta R$ 35,8 bi e cresce 24% em 2014

Comércio eletrônico brasileiro movimenta R$ 35,8 bi e cresce 24% em 2014

Foram somados mais de 51,5 milhões de consumidores únicos, sendo 10,2 milhões novos entrantes e mais de 103,4 milhões de pedidos realizados

Log Fashion se apresenta como novo player da logística de vestuário
No dia das crianças, eletrônicos apresentam maiores tributos
Marcopolo fecha 2010 com crescimento de 42,3% na produção

ecommerce-compra-alta

O setor de e-commerce movimentou R$ 35,8 bilhões em 2014, crescendo, nominalmente, 24%, em relação a 2013, quando o faturamento chegou a R$ 28,8 bilhões. As informações fazem parte de uma pesquisa divulgada recentemente pela E-bit, empresa especializada em informações do comércio eletrônico.

Ao todo, foram mais de 51,5 milhões de clientes únicos, sendo 10,2 milhões novos consumidores e mais de 103,4 milhões de pedidos realizados, a um tíquete médio de R$ 347.

“Foi um ano em que tivemos Copa do Mundo, que ajudou a impulsionar a venda de televisores e artigos esportivos no primeiro semestre, além de diversas liquidações, o que trouxe ainda mais atrativos ao e-commerce. Além disso, o mercado vem evoluindo, ano após ano, para dar mais ferramentas e opções aos consumidores”, explica Pedro Guasti, diretor executivo da E-bit.

A Black Friday também contribuiu para o sucesso do setor em 2014. “O resultado da ação, apesar de esperado, rendeu ao e-commerce R$ 1,16 bilhão, o que comprova que o modelo vem fazendo sucesso com os consumidores e lojistas, quebrando todos os recordes de faturamento em um único dia”, afirma.

Para 2015, a companhia prevê um crescimento de 20%, atingindo faturamento estimado de R$ 43 bilhões.

COMMENTS