Anel Viário de Cubatão (SP) é aberto para tráfego

Anel Viário de Cubatão (SP) é aberto para tráfego

Obra tem como finalidade acelerar fluxo de caminhões no Porto de Santos e reduzir gargalos na região

Segunda fase do Trecho Leste do Rodoanel (SP-021) será entregue no final de junho
Postos de atendimento do Trecho Leste do Rodoanel (SP) mudam de endereço em Ribeirão Pires e Poá
Governo conclui obras de asfaltamento na PA-431

cubatao-ecovias-inauguração

Estão abertos ao tráfego a partir desta quarta-feira (1/10) o Anel Viário de Cubatão (SP), no km 55 da Rodovia Anchieta (SP-150), e a terceira faixa de rolamento da Rodovia Cônego Domênico Rangoni (SP-55).

Novidades auxiliarão na redução de congestionamentos na chegada à Baixada Santista e acelerará o fluxo de chegada de caminhões no Porto de Santos (SP).

Ao todo, foram investidos R$ 392,6 milhões nessas obras, que foram realizadas pela concessionária Ecovias, com fiscalização e gerenciamento da ARTESP (Agência de Transporte do Estado de São Paulo)

Foi realizada total remodelação do antigo trevo com a implantação do anel viário que interliga as rodovias Anchieta (SP-150), Cônego Domênico Rangoni (SP-55), Imigrantes (SP-160) e Padre Manoel da Nóbrega (SP-55). Formado por seis viadutos e com extensão de 2,8 quilômetros, o Anel Viário Engenheiro Luiz Antonio Veiga Mesquita inclui uma faixa operacional entre o km 271,4 e km 273,7 na pista oeste (sentido Peruíbe) da Padre Manoel da Nóbrega. Passam pelo trecho concluído agora 100 mil veículos por dia, em média.

A remodelação do trevo de Cubatão custou R$ 209,6 milhões. Em dezembro de 2013, já havia sido entregue uma parte da obra, a alça de acesso de 300 metros que interliga a Rodovia Anchieta à Padre Manoel da Nóbrega, sentido Praia Grande.

Outros R$ 183 milhões foram investidos nas obras de implantação da terceira faixa entre o km 262 e o km 270 da Rodovia Cônego Domênico Rangoni na região do Polo Industrial de Cubatão. A terceira faixa tem 16 quilômetros extensão, sendo oito quilômetros por sentido, e amplia em 50% a capacidade de tráfego no segmento. O trecho da Cônego Domênico Rangoni entre o km 262,75 e o km 268,2 pista leste (sentido Bertioga) havia sido entregue antecipadamente, no mês de junho.

COMMENTS