LATAM Airlines inicia construção de hangar no Aeroporto Internacional de Miami (EUA)

LATAM Airlines inicia construção de hangar no Aeroporto Internacional de Miami (EUA)

Unidade de manutenção, primeira do grupo no país, receberá investimento de US$ 15 milhões e criará 300 vagas de empregos diretos e indiretos

Quase 99% das exportações do Brasil em 2015 passaram pelos portos
Bridgestone pesquisa para desenvolver fonte sustentável de borracha natural
Programa Renova SP atinge marca de 93 caminhões entregues para motoristas ativos no Porto de Santos

aeroporto-miami-aerea

O Grupo LATAM Airlines, grupo de companhias aéreas composto pela LAN Airlines, suas afiliadas e a TAM Linhas Aéreas, iniciou recentemente a construção de um novo hangar de manutenção de 9.150 m² no Aeroporto Internacional de Miami, nos EUA, o primeiro no país. O projeto representa um investimento de mais de US$ 15,7 milhões.

Com a nova unidade, estima-se a criação de mais de 300 novos empregos diretos e indiretos nos primeiros cinco anos, aumentando ainda mais a participação e o compromisso do Grupo LATAM Airlines com o crescimento econômico do Condado de Miami-Dade e do Estado da Flórida.

“Para o Grupo LATAM Airlines, este projeto é essencial para mantermos uma presença sustentável, que beneficie as economias e comunidades onde vivem e trabalham nossos clientes e funcionários”, afirma Cristián Ureta, gerente geral da unidade de Cargas do Grupo LATAM Airlines.

O novo hangar de manutenção do Grupo LATAM Airlines encontra-se na área de carga do Aeroporto Internacional de Miami, no lote onde ficava localizado o edifício 715 antes de sua demolição pelo Condado de Miami-Dade. As instalações poderão armazenar aeronaves com tamanho máximo equivalente ao do Boeing 777-300, além de contarem com uma superfície de 6.200 m², 1.600 m² de área de armazenagem e oficinas, além de outros 1.350 m² destinados a fins administrativos (escritórios, salas de máquinas, armazenamento de peças de reposição, entre outros).

As instalações oferecerão serviços de manutenção tanto para aeronaves de passageiros quanto de carga da LAN, TAM e suas afiliadas operando a partir de e para Miami. Atividades como controles diários, inspeções, troca de motores, reparos maiores e troca de componentes poderão ser realizados no local. O hangar também servirá como depósito de peças de reposição, componentes e motores de aeronaves.

“Miami é uma das principais portas de entrada para a região, e estamos orgulhosos por expandirmos de maneira estratégica nossa operação e presença no Aeroporto Internacional de Miami”, disse Fernando Poitevin, vice-presidente de Produção da LAN CARGO.

COMMENTS