Licenciamentos de caminhões caem 22% em abril

Licenciamentos de caminhões caem 22% em abril

Foram 10,9 mil unidades comercializadas no mês, contra 13,9 mil de igual período de 2013; segmento de ônibus apresentou decréscimo de 19,7%

Produção de veículos no Brasil fecha ano com queda de 15,3%
Vendas de caminhões e ônibus crescem em agosto
Produção de caminhões no Brasil chega a quase 30 mil unidades entre janeiro e maio

interna-anfavea-12-09-2011

De acordo com balanço divulgado pela Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores) no último dia 9/5, foi apresentada queda de 22% nos licenciamentos de caminhões em abril.

Ao todo, foram 10,9 mil unidades comercializadas no mês, contra 13,9 mil de igual período de 2013. Já em relação as 9,2 mil unidades de março de 2014 houve acréscimo de 17,8%. Quando analisado o volume de vendas nos quatro primeiros meses do ano, a queda é de 14,4%, o que significa 41,3 mil caminhões em 2014 e 48,3 mil no ano passado.

Confira o desempenho de licenciamento das marcas de caminhão comercializadas no País, no mês de abril:

• MAN Latin America – 2.816
• Mercedes-Benz – 2.798
• Volvo – 1.740
• Ford – 1.321
• Scania – 1.190
• Iveco – 682
• International – 182
• Outras empresas – 110
• Agrale – 25
• CAOA Hyundai – 14
• DAF – 8

Já o segmento de ônibus comercializou 2,2 mil produtos em abril, declínio de 8,8% com relação a março, com 2,4 mil, e de 19,7% frente a abril do ano passado, quando foram licenciados 2,8 mil. Ao comparar os 9,2 mil do acumulado deste ano com os 10,4 mil de 2013, o segmento retraiu 19,7%.

Veja o desempenho de licenciamento das empresas de ônibus no quarto mês do ano:

• Mercedes-Benz – 1.055
• MAN Latin America – 633
• Agrale – 317
• Volvo – 86
• Iveco – 77
• Scania – 64
• International – 5
• Outras empresas – zero

Produção

Os fabricantes de caminhões produziram 12,3 mil veículos em abril, o que representa baixa de 11% em relação a março, com 13,8 mil, e queda de 31,6% ante as 18 mil de abril de 2013.

A produção acumulada também registrou decréscimo. A comparação dos 55,1 mil caminhões de 2014 com os 61,1 mil de 2013 significam recuo de 9,8%.

Saíram das linhas de montagem de ônibus 3,4 mil unidades, 9,7% menos em relação às 3,8 mil de março e em 8% com as 3,7 mil de abril do ano passado. O declínio para o acumulado do ano foi de 2,1%. Foram fabricadas 13,3 mil unidades este ano e 13,6 mil em 2013.

COMMENTS