Governo assina contrato de concessão do Aeroporto de Confins (MG)

Concessionária BH Airport será responsável pela administração da unidade aeroportuária por 30 anos, com 51% de participação

Consórcio Planalto vence leilão da BR-050
Ex-presidente do Banco Central integra Conselho da Azul Linhas Aéreas
Absenteísmo ou presenteísmo: qual impacta mais?

infraero-confins-obras

A ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil) assinou nesta semana um contrato de concessão do Aeroporto Internacional Tancredo Neves (MG), concedido à concessionária BH Airport, formada pelo Grupo CCR, pelas operadoras Flughafen Munchen e Flughafen Zürich AG e a Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária).

A concessionária, por meio do consórcio Aerobrasil, foi a vencedora do leilão n°01/2013, realizado em 22/11/2013, e vai administrar o aeroporto de Confins por 30 anos, com 51% de participação.

A Infraero é sócia do negócio com 49%, a exemplo do que ocorreu com os aeroportos de Guarulhos (SP), Viracopos (SP) e Brasília (DF), concedidos em 2012, e com o aeroporto do Galeão (RJ), também leiloado em 22/11/2013 e cujo contrato foi assinado no último dia 02/04.

Melhorias de curto prazo na infraestrutura do aeroporto estão previstas no contrato de concessão, estabelecidas a partir da elaboração do Plano de Ações Imediatas. (melhoria de banheiros, reforma das sinalizações e acesso gratuito à Internet).

Após a assinatura do contrato, haverá um período de transição no qual a Infraero continuará a administrar o aeroporto, acompanhada pela concessionária aproximadamente nos primeiros 150 dias. Após esse período, a concessionária assume as operações do aeroporto em conjunto com a Infraero por mais três meses (prorrogável por até mais três meses). Depois dessa fase, a concessionária assume a totalidade das operações do aeroporto.

COMMENTS