GOL fecha 2013 com lucro operacional de R$ 266 milhões

Resultado da companhia aérea representa uma melhora de 14,2% em relação a 2012

Boeing recebe maior pedido de sua história, avaliado em R$ 38 bi
Turkish Airlines amplia frequência de voos internacionais
Azul Cargo inaugura terceira loja em Belo Horizonte (MG)

gol-frota

A GOL fechou o quarto trimestre de 2013 com EBIT (lucro operacional) de R$ 162,9 milhões, com margem operacional de 6%, representando o maior nível de rentabilidade operacional dos últimos 10 trimestres.

No ano passado, o EBIT alcançou R$ 266 milhões e uma margem operacional de 3%, o que representa uma melhora de 14,2% em relação a 2012.

No trimestre, a receita líquida atingiu R$ 2.728,2 milhões, aumento de 29% comparado com o mesmo período de 2012. A receita líquida anual atingiu o maior nível histórico da empresa: R$ 8.956,2 milhões. O resultado representou crescimento de R$ 853 milhões ou 11% frente a 2012.

A GOL reduziu seus custos operacionais anuais em R$ 319 milhões. Já o prejuízo líquido totalizou R$ 19,3 milhões no quarto trimestre, uma melhora de R$ 428 milhões frente ao 4T12, levando a um prejuízo de R$ 724,6 milhões no acumulado do ano. Parte desse resultado é explicado pela variação cambial, que atingiu uma despesa de R$ 490 milhões em 2013.

COMMENTS