25% dos caminhões avaliados em ação na Dutra apresentaram falhas na barra de direção

Na ocasião, 40 veículos foram checados, no km 299 – Pista Sul, em Resende (RJ), nos dias 26 e 27/2

Ponte sobre rio Araguaia, na BR-158 (GO), tem restrição a caminhões
Giro Transportes investe R$ 5 milhões em frota
Volvo inicia vendas de caminhões elétricos urbanos na Europa

nakata-caminhao-barraNa checagem gratuita do programa Caminhão 100% realizada nos dias 26 e 27/2 na Rodovia Presidente Dutra km 299 – Pista Sul, em Resende (RJ), foi constatado que 25% de 40 caminhões tinham defeitos no sistema de direção.

“Encontramos falhas nos principais itens de segurança dos veículos vistoriados, barra de direção soldada e coifa do terminal de direção rasgada”, disse Marcos Cortes, profissional da assistência técnica da Nakata, empresa fabricante de autopeças que participa da ação, promovida pelo GMA (Grupo de Manutenção Automotiva), em parceria com o Grupo CCR, que administra a rodovia.

O profissional também salientou que o caminhão que estava com a barra soldada roda, em média, 400 km dia pela Rodovia Presidente Dutra, aumentando o risco de provocar um grave acidente.

O aconselhável é realizar a manutenção preventiva, periodicamente, a cada 10 mil quilômetros rodados, já que a falta de reparação causa desgaste em outras peças do conjunto de direção.

A próxima avaliação da parte mecânica e de itens de segurança dos caminhões acontecerá nos dias 26 e 27 de março, no Posto Sakamoto II, na Rodovia Presidente Dutra, km 210,5 – Pista Sul, em Guarulhos (SP).

COMMENTS