Índice da variação de custos do transporte rodoviário de carga lotação registra alta em 2013

Para viagens de longas distâncias, o acréscimo foi maior, atingindo 8,38%, e os deslocamentos mais curtos registraram elevação de 6,10%

Scania apresenta novo portfólio de produtos para mercado peruano
Cummins fecha o primeiro semestre de 2010 com recorde em vendas
Michelin atende demanda de caminhões e ônibus com nova geração de pneus

roubo-cargas-pf

A NTC&Logística (Associação Nacional dos Transportadores de Carga e Logística), por meio do seu Departamento de Estudos Econômicos e Custos Operacionais, divulgou recentemente um estudo sobre o INCTL (Índice Nacional da Variação de Custos do Transporte Rodoviário de Carga Lotação).

O INTCL mede a evolução de todos os custos da carga completa, incluindo transferência, administração, gerenciamento de riscos e custo valor.

A pesquisa, realizada entre janeiro e dezembro de 2013, apontou que o índice apresentou um aumento médio de 7,65% no ano passado.

Para viagens de longas distâncias, o acréscimo foi maior, atingindo 8,38%, e os deslocamentos mais curtos registraram elevação de 6,10%.

Divulgado recentemente, o INTCF, índice que analisa a carga fracionada, registrou alta de 7,85%. Além disso, o óleo diesel S-50/S-10 teve em dezembro de 2013 um aumento de 17,27% em comparação com o mesmo período do ano anterior. E o aditivo utilizado em todos os veículos com tecnologia Euro 5, Arla 32 não registrou variação no ano, assim como os implementos rodoviários e urbanos.

COMMENTS