Duas aeronaves da Vasp serão retiradas do aeroporto de Brasília (DF)

Dois Boeing 737-200 da extinta companhia aérea foram arrematados em setembro, em leilão realizado para pagar os credores da massa falida da empresa

Embraer entrega jato para o ator Jackie Chan
Embraer encerra 2013 com entrega de 90 jatos comerciais e 119 executivos
Boeing recebe maior pedido de sua história, avaliado em R$ 38 bi

news-avioes-vasp

Duas aeronaves Boeing 737-200 da companhia aérea Vasp, que decretou falência em 2008, serão retiradas do pátio do Aeroporto Internacional de Brasília (DF) na próxima quarta-feira (11/12).

As unidades foram arrematadas em setembro, em leilão realizado para pagar os credores da massa falida da empresa. A remoção faz parte do Programa Espaço Livre – Aeroportos, da Corregedoria Nacional de Justiça, que tem por objetivo retirar dos pátios de 11 aeroportos brasileiros 53 aviões de grande porte sem condições de navegação, após serem leiloados pela Justiça.

Para viabilizar a remoção, os dois aviões da Vasp foram desmontados na semana anterior à retirada. Tanto o desmonte quanto o transporte das aeronaves são de responsabilidade de quem as arrematou no leilão.

Na ocasião, a sucata de 17 aviões da antiga empresa aérea foi arrematada por cerca de R$ 2 milhões.

COMMENTS