Herbalife inaugura Centro de Distribuição e segunda filial em SP

Inauguração faz parte do projeto de regionalização que levou a todas as regiões do País filiais com pontos de acesso imediato de produtos Herbalife para Distribuidores Independentes

Columbia expande atividades no Sul e Sudeste com novos Centros de Distribuição
Talog passa a utilizar sistema SAGA WMS para gerenciar CDs
Grupo Pão de Açucar compra equipamentos para operações em novo CD

herbalife-centro-logistica

A Herbalife, empresa de nutrição, ampliou sua capacidade logística no Brasil com a inauguração da sua segunda filial em São Paulo, localizada na zona Sul da capital, e também do novo centro de distribuição, localizado em Cajamar (SP).

A novidade é parte do projeto de regionalização que levou a todas as regiões do País filiais com pontos de acesso imediato de produtos Herbalife para Distribuidores Independentes. Neste ano, foram realizadas inaugurações em Manaus (AM), Recife (PE) e Rio de Janeiro (RJ).

“O aumento da nossa capacidade logística visa atender à crescente demanda dos consumidores brasileiros por produtos Herbalife. De acordo com o balanço financeiro do terceiro trimestre de 2013, a Herbalife apresentou um crescimento de 31,5% em vendas líquidas no País, muito acima da média do mercado de vendas diretas”, afirma Gioji Okuhara, diretor geral da Herbalife do Brasil.

O novo CD de Cajamar é atualmente responsável por 20% do volume de vendas de todo o Brasil. Com 3 mil m² e capacidade para armazenar 4 mil paletes. O espaço centraliza o recebimento de produtos no Brasil e faz a separação e a distribuição para o restante do País.

A segunda filial da Herbalife em São Paulo foi inaugurada no bairro de Santo Amaro. A unidade viabiliza o acesso imediato aos produtos e visa atender aos Distribuidores Independentes que residem naquela região, assim como municípios vizinhos e Baixada Santista.

O outro espaço de acesso a produtos em operação em São Paulo é a loja localizada na sede da Herbalife no Brasil, no bairro da Lapa, na Zona Oeste de São Paulo.

 

COMMENTS