‘Flecha Azul’ da Viação Cometa será destaque no maior evento de ônibus e caminhões antigos do Brasil

Clássico modelo da transportadora deixará a garagem pela última vez para ser a atração principal da 10ª edição do VVR (Ver, Viver e Rever)

Volvo entrega 50 ônibus para sistema de transporte de Porto Alegre (RS)
MAN anuncia novidades em linha Volksbus
Projeto torna obrigatória vistoria para venda de veículos usados

cometa-flecha-azul

Depois de completar 65 viagens comemorativas e rodar 24 mil quilômetros por ocasião dos 65 anos da Viação Cometa, o modelo o Flecha Azul, totalmente customizado e restaurado, deixará a garagem pela última vez para ser a atração principal da 10ª edição do VVR (Ver, Viver e Rever).

O evento, considerado o maior encontro nacional voltado ao antigomobilismo e o único a fazer parte do calendário turístico de São Paulo, ocorre no Memorial da América Latina, em São Paulo, neste fim de semana (9 e 10), com a exposição de 40 ônibus e 30 caminhões.

“É um prazer receber um ônibus que marcou a vida de milhares de pessoas em incontáveis viagens. O case do Flecha Azul é um exemplo de como é gratificante preservar a memória”, afirma Kaio Castro, presidente do 1º clube dos ônibus antigos do Brasil e organizador do VVR, que este ano espera receber em torno de 8 mil pessoas. Segundo ele, foram centenas de e-mails e cobranças dos fãs nas redes sociais pedindo a participação do ônibus no evento.

A campanha desenvolvida com o Flecha Azul em comemoração aos 65 anos contemplou 2.561 passageiro durante dois meses. O ônibus teve como destino um total de 19 localidades, rodando 24 mil quilômetros.

Todo o processo de restauração levou cerca de um ano, e o Flecha Azul em questão foi exatamente o último produzido pela CMA, que fabricava os veículos. As características típicas dos ônibus antigos norte-americanos foram mantidas, até mesmo a depressão sobre a cabine de direção e a carroceria em duralumínio.

As poucas inovações no modelo restaurado foram os vidros fechados, lanternas de LED, ar-condicionado, pintura metalizada nos tons originais, revestimento interno, chassi Scania K113CL e motor dsc133b01 com câmbio G777, valorizando o conforto dos passageiros. O emblema na parte traseira da carroceria ganhou LED interno para iluminar o cometa colorido que faz parte da logomarca original.

COMMENTS