Governo de SP instala câmeras para monitorar marginais da Capital

Serão instaladas 27 na marginal Tietê e outras 14 na marginal Pinheiros; unidades devem entrar em operação no fim do mês

ANTT aumenta fiscalização do pagamento eletrônico de frete
Prefeitura do Rio intensifica cerco a caminhões
Motofretistas ignoram Contran e não procuram curso de qualificação

marginal-tiete-abril01

Com o intuito principal de coibir a prática de crimes como roubos e furtos, o governo de São Paulo está concluindo a instalação de 82 câmeras de videomonitoramento nas marginais Tietê e Pinheiros. Metade delas já está em operação.

Ao todo, são 27 na marginal Tietê e outras 14 na marginal Pinheiros. A previsão é que todas as câmeras estejam em funcionamento até o fim de setembro.

As imagens captadas são acompanhadas 24 horas por policiais militares no Centro de Operações da Polícia Militar (Copom), que funciona no CPC (Comando de Policiamento da Capital), no bairro da Luz, centro da Capital. Atualmente, cada policial é responsável pelo monitoramento de nove câmeras.

Com os equipamentos nas marginais, a cidade de São Paulo passa a ter 353 câmeras monitoradas pela Polícia Militar. O investimento total para a instalação do sistema de é de R$ 8,7 milhões.

Além das câmaras nas marginais, São Paulo já conta com 271 câmeras que gravam e transmitem ao vivo imagens de regiões da Capital. Os equipamentos estão instalados em locais com grande fluxo de pessoas, como a Praça da Sé e a Avenida Paulista, e ruas próximas a estádios.

COMMENTS