Comissão aprova projeto que dispensa uso de placa dianteira para reboques e semirreboques

Proposta altera o Código de Trânsito Brasileiro (Lei 9.503/97), que atualmente isenta da placa dianteira somente motos e demais veículos de duas ou três rodas

Caminhoneiros poderão ter até 40 pontos na CNH
Câmara dos Deputados lança plano de ações do Projeto Trânsito Seguro
Câmara rejeita proposta que proíbe tráfego de moto entre veículos

placa-reboque

A Comissão de Viação e Transportes da Câmara dos Deputados aprovou recentemente um Projeto de Lei que retira a obrigatoriedade do uso de placa dianteira em reboques e semirreboques. A proposta tramita em caráter conclusivo e será analisada agora pelo grupo de Constituição e Justiça e de Cidadania.

O texto aprovado é o substitutivo do relator, deputado Jesus Rodrigues (PT-PI), ao Projeto de Lei 5106/13, do deputado Marcelo Almeida (PMDB-PR). A proposta altera o Código de Trânsito Brasileiro (Lei 9.503/97), que atualmente isenta da placa dianteira somente motos e demais veículos de duas ou três rodas.

“Para circularem, tais veículos são acoplados a unidades tratoras, tornando desnecessária a placa dianteira”, destacou o relator.

O substitutivo não traz alterações de conteúdo em relação ao projeto original, apenas adapta a redação ao previsto na Lei Complementar 95/98, que trata da elaboração das leis.

Com informações da Agência Câmara

COMMENTS