Ford Transit alcança a marca de sete milhões de unidades fabricadas

Ford Transit alcança a marca de sete milhões de unidades fabricadas

Fabricada desde 1965, família de vans da montadora norte-americana está disponível em 118 mercados em seis continentes

Governo mantém IPI zero para caminhões
Mercedes-benz será homenageada pela Rosas de Ouro no Carnaval 2013
Nissan anuncia recall de mais de 35 mil picapes Frontier

ford-transit

A montadora Ford anunciou nesta sexta-feira (21/6) a produção de vans modelo Transit atingiu a marca de sete milhões unidades. Atualmente disponível em 118 mercados em seis continentes, o veículo foi lançado em 1965, na Europa.

Segundo a montadora, se colocadas em fila, as sete milhões de unidades seriam suficientes para cobrir praticamente a mesma distância do Rio de Janeiro até Pequim, na China – distância maior que 17 mil quilômetros.

O marco foi comemorado nesta sexta-feira durante a inauguração oficial da nova linha de montagem da Transit em Nanchang, na China, com a presença do presidente mundial da Ford, Alan Mulally. A fábrica Jiangling Xiaolan faz parte da JMC (Jiangling Motor Corp), parceira da Ford que produz veículos das marcas JMC e Ford para o mercado chinês.

“A Ford Transit tem um papel importante na vida e no trabalho de milhões de pessoas”, disse Mulally. “Seja para levar trabalhadores ao serviço, entregar encomendas ou transportar um paciente ao hospital, pessoas de todo o mundo confiam na Ford Transit para realizar suas tarefas”.

Lançada no mesmo ano em que o homem fez a primeira caminhada espacial, a Transit teve um impacto imediato, oferecendo um veículo prático para as economias em expansão da Europa. Desde então, a Transit desenvolveu uma ampla variedade de carrocerias e versões, de furgões de entrega, basculantes e trailers até versões especiais, como as supervans equipadas com motor Cosworth V8.

A produção da Transit foi acelerada progressivamente: depois de atingir o primeiro milhão em 1976, ela chegou aos seguintes em 1985, 1994, 2000, 2005, 2010 e 2013.

“A Ford Transit continua a inovar, ajudando os consumidores a transportar mais produtos, reduzir seus custos de rodagem e chegar com confiança e segurança ao seu destino”, disse Mulally.

A produção da Transit foi levada para fora da Europa pela primeira vez em 1997, nas fábricas de Nanchang, na China, e Hai Duong, no Vietnã. A nova planta Jiangling Xiaolan mais que dobra a capacidade de produção anual de veículos comerciais da JMC, de 245.000 para 545.000 unidades. A Ford tem uma participação de 30% na JMC.

No Brasil, a Transit está presente desde 2009, nas versões furgão, van de passageiros e chassi-cabine, e vem crescendo progressivamente junto com o segmento de comerciais leves no transporte urbano. A expansão global da produção e venda da linha dará outro passo importante em meados de 2014, quando chega pela primeira vez aos Estados Unidos.

No total, a Ford espera vender mais de 400.000 unidades por ano da Transit de 1 e 2 toneladas até 2016, o equivalente a um veículo a cada 80 segundos.

COMMENTS