Ford retomará Série F no Brasil e inicia produção dos Cargo extrapesados

Ford retomará Série F no Brasil e inicia produção dos Cargo extrapesados

Anúncio foi feito nesta semana, quando a montadora comemorou o início da produção de seus novos cavalos mecânicos, e prometeu a volta dos consagrados modelos F-350 e F-4000 para o primeiro semestre do ano que vem

DNIT inicia processo de contratação do novo Plano Nacional de Pesagem
Índice da variação de custos do transporte rodoviário de cargas fracionadas subiu 7,85% em 2013
Cai tempo de espera para carregar e descarregar no Porto Seco de Foz de Iguaçu (PR)

ford-f-4000

Em meio às comemorações do início de produção de seus novos caminhões globais, os cavalos mecânicos extrapesados Cargo 2042 e 2842, na fábrica de São Bernardo do Campo (SP), a Ford anunciou que retomará a fabricação dos veículos da Série F no Brasil, com previsão para o primeiro semestre de 2014.

Segundo a montadora, a engenharia está desenvolvido a aplicação da nova motorização Euro 5 para a família de leves e semileves, para a preparação da retomada da produção dos modelos consagrados F-350 e F-4000.

“A Série F é a linha de veículos comerciais mais vendida do mundo e uma das mais tradicionais do Brasil”, diz Rogelio Golfarb, vice-presidente de Assuntos Corporativos da Ford América do Sul. “São modelos com características únicas de cabine, robustez, confiabilidade e desempenho, que não encontram substitutos em vários tipos de aplicação. Essa renovação servirá para que ela volte ainda mais forte”.

O desenvolvimento dos novos caminhões da série está sendo realizado no Campo de Provas da Ford em Tatuí (SP), mas a montadora ainda não revelou detalhes sobre os veículos. Com a retomada dos leves e semileves em 2014 e o anúncio do início de produção dos extrapesados da linha Cargo, a Ford se transforma em fornecedora full-liner de veículos, assim como seus concorrentes mais próximos.

Novo Cargo extrapesado entra em produção

cargo-extrapesado-2842-ford

Já em produção em São Bernardo do Campo, segundo a Ford, os caminhões Cargo extrapesados, modelos 2042 e 2842, com capacidade para até 56 toneladas, já estão em produção. A empresa apresentou as primeiras unidades saídas da linha de montagem e prometeu o lançamento dos novos caminhões para setembro.

“O Novo Cargo Extrapesado representa parte do total de R$ 670 milhões investidos no setor de caminhões desde 2009, para ampliar a nossa participação no segmento. Lançamos num curto período 15 novos produtos, incluindo os dois novos extrapesados apresentados hoje”, disse Steven Armstrong, presidente da Ford Brasil.

Os investimentos na planta de caminhões brasileira fazem parte da estratégia da Ford de fortalecer sua presença no mercado de veículos comerciais na América do Sul. No ano passado, a empresa teve share de mais de 21% no mercado brasileiro de caminhões de até 46 toneladas.

A unidade paulista de produção recebeu modificações para comportar os novos extrapesados. Dentre as principais intervenções estão a elevação do teto da fábrica e a instalação de novos equipamentos na linha para comportar os tamanhos das novas cabines.
Com capacidade de produção de 150 caminhões por dia, a fábrica da Ford no ABC paulista tem 700 trabalhadores diretos e conta com um centro de modificação, para atender às solicitações os clientes para veículos com configurações especiais.

Caminhão global

O novo Ford Cargo extrapesado, que traz em sua família os modelos 2042 6×2 e 2842 6X4, tem motor de 420 cavalos e traz novo conceito de design na cabine. O projeto é fruto do trabalho das equipes de design e engenharia da Ford do Brasil e da Turquia e o caminhão será comercializado em todo o planeta, segundo a empresa.

COMMENTS