MMX conclui processo de financiamento de longo prazo para o Superporto Sudeste

Valor total da suplementação é de cerca de R$ 935 milhões; unidade está prevista para iniciar operações no mês de dezembro

Governo reduz juros do Procaminhoneiro para 2,5% ao ano
BNDES capta aproximadamente R$ 1 bi para financiar transporte público brasileiro
Vendas de caminhões recuam 18% no ano e amenizam quedas expressivas em 2012

superporto-sudeste

A empresa de mineração do Grupo EBX, MMX, informou em nota que concluiu junto ao BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) a última etapa do processo de financiamento de longo prazo para o Superporto Sudeste. O valor total desta suplemen tação é de cerca de R$ 935 milhões, com prazo final de 10 anos, a contar de janeiro de 2013 e já considerados os 12 meses de carência para pagamento de juros e principal.

A MMX estima sacar a primeira parcela ao longo do segundo trimestre de 2013, depois de encerradas todas as etapas para formalização e constituição das garantias. Este desembolso permitirá à MMX o alongamento de parcela de seu endividamento de curto prazo.

A entrada em operação do Superporto Sudeste está prevista para o mês de dezembro.

COMMENTS