Governo anuncia nova regra para estoque de biodiesel

Portaria determina que compradores do combustível têm o direito de retirar o produto quando necessário e com o preço estipulado na negociação

CNT e Sest Senat lançam manual para melhor uso do diesel
Inmetro desenvolve projeto para uso direto de óleo vegetal em motores a diesel
Produção de biodiesel no Brasil bate recorde em agosto

bunge-biodiesel-1

O MME (Ministério de Minas e Energia) publicou no Diário Oficial da União do dia 8/4 uma portaria que estabeleceu novo modelo para os estoques estratégicos de biodiesel no Brasil.

Texto apresenta novidades como a modalidade de aquisição por “opção de compra”. Desta forma, o comprador do combustível tem o direito de retirar o produto quando necessário, e as usinas são obrigadas a finalizar o negócio com o preço fixado durante o acordo.

De acordo com o ministério, o biodiesel deve permanecer estocado com os produtores, porque assim evita-se a degradação do produto quando armazenado por longos períodos. Além disso, suprime o transporte físico da usina até o comprador. Caso haja eventual necessidade de consumir os estoques de segurança, o produto deve sair diretamente do produtor para a distribuido ra. O MME justifica que o novo modelo para estoques de biodiesel reduz custos e aprimora a logística do produto.

Com informações da Agência Brasil

COMMENTS