Boeing terá centro de pesquisa e tecnologia aeroespacial em São José dos Campos (SP)

Boeing terá centro de pesquisa e tecnologia aeroespacial em São José dos Campos (SP)

Unidade estará localizada no Parque Tecnológico do município; empresa dirigirá seu trabalho aos biocombustíveis sustentáveis para aviação, gestão avançada de tráfego aéreo, entre outros projetos

Panalpina transporta dois helicópteros por Viracopos (SP)
DHL faz a logística do filme de James Bond pela quinta vez
Força Aérea dos EUA expande comunicações táticas com satélite Boeing

boeing-787

A Boeing, fabricante de aeronaves norte-americana, anunciou nesta terça-feira (9/4) que contará ainda este ano com centro de pesquisa e tecnologia no polo da indústria aeroespacial do Brasil, localizado no Parque Tecnológico de São José dos Campos (SP).

O empreendimento – a sexta unidade de pesquisa avançada da Boeing fora dos EUA – dirigirá seu trabalho aos biocombustíveis sustentáveis para aviação, gestão avançada de tráfego aéreo, metais e biomateriais avançados e tecnologias de suporte e de serviços.

Na unidade poderão atuar até 12 pesquisadores e cientistas da empresa. Atividades serão voltadas para o desenvolvimento de projetos de tecnologia aeroespacial com instituições de tecnologia do governo brasileiro, incluindo o DCTA (Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial) e o INPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), além de empresas nacionais, como a Embraer. Além disso, o local servirá como ponto central de colaboração da empresa com universidades de todo o Brasil, incluindo a USP (Universidade de São Paulo) e a UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais).

“O ambiente inovador do Parque Tecnológico de São José dos Campos, a proximidade com instituições de pesquisa parceiras e o apoio municipal tornam o local ideal para o trabalho de pesquisa e tecnologia da Boeing no Brasil”, disse Al Bryant, vice-presidente da Boeing Pesquisa e Tecnologia Brasil.

COMMENTS