Contrato para inicio das obras do Rodoanel Norte (SP) são assinados

Duas empresas e dois consórcios venceram a licitação internacional, proposta vencedora apresentou desconto de R$ 1,2 bilhão

Governador de SP assina contratos para a construção do Rodoanel Norte
Governo de SP dá início às obras do Complexo Viário de Itaquera
Trecho Leste do Rodoanel recebe aprovação para quarta fase das obras

Os contratos para inicio das obras do Trecho Norte do Rodoanel de São Paulo foram assinados hoje (07), no Palácio dos Bandeirantes, pelo governador Geraldo Alckmin. Os trabalhos devem começar em 30 dias.

O Governo contratou as obras com 23,1% de desconto frente ao valor de referência da licitação (R$ 5.080.191.168,55). O valor proposto pelas empresas é de R$ 3.906.504.764,55, que representou economia de cerca de R$ 1,2 bilhão. A Construtora OAS Ltda, a Acciona Infraestructuras S/A e os consórcios formados pelas empresas Mendes Júnior/Isolux Corsán e Construcap/Copasa foram os vencedores da licitação internacional para a construção do último trecho do anel viário.

O Rodoanel Norte terá 44 km de extensão e interligará os trechos Oeste e Leste do empreendimento. Ele inicia na confluência com a Avenida Raimundo Pereira Magalhães, antiga estrada Campinas/São Paulo (SP-332), e termina na intersecção com a rodovia Presidente Dutra (BR-116).

O trecho prevê acesso à rodovia Fernão Dias (BR-381), além de uma ligação exclusiva de 3,6 km para o Aeroporto Internacional de Guarulhos.

De acordo com Alckmin, o contrato prevê que a obra seja entregue em até 36 meses após a sua assinatura. “Pode ser que se consiga antecipar um pouco, para o final de 2015, mas o prazo estipulado é fevereiro de 2016. Com relação às desapropriações, todos serão cadastrados nos programas de habitação popular do Estado e do governo federal”, disse.

COMMENTS