Falha em sistema impede que caminhões atravessem fronteira

Falha em sistema impede que caminhões atravessem fronteira

Sistema de Comércio Exterior está fora do ar há quatro dias. Ao menos 800 caminhões estão parados nas fronteiras com Paraguai e Argentina

Marcopolo entrega 20 ônibus Double Decker a companhia argentina
Mercedes-Benz apresenta nova Sprinter e aposta no mercado de vans
Argentina sedia Conferência da Interpol sobre roubo e tráfico de veículos

O Sistema de Comércio Exterior (Siscomex), que gerencia e libera as importações e exportações na fronteira com Paraguai e Argentina, está fora do ar há quatro dias impedindo que mercadorias em caminhões cruzem a fronteira.

No fim da manhã desta quinta-feira (3), pelo menos 800 caminhões estavam parados do pátio da estação aduaneira de Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, e mais 100 motoristas aguardavam no lado de fora.

O Siscomex funciona a partir da conexão com a internet, que não está em funcionamento e, de acordo com a Receita Federal (RF), o sistema de telefonia fixa também está fora do ar.

A paralisação foi causada por causa da quebra de uma peça da operadora que presta o serviço de comunicação. Esta peça não existe em Foz do Iguaçu e foi preciso encomendá-la em Maringá, no norte do estado. A peça foi entregue na tarde ontem e a situação deve ser normalizada o mais breve possível, informa a Receita.

COMMENTS