Frota da aviação brasileira está concentrada no Sudeste e Centro-Oeste

Levantamento da Associação Brasileira de Aviação Geral mostra também que o Nordeste é a região com menor número de aeronaves, mas apresentou o maior crescimento

TAM Cargo prevê crescimento das operações em Sorocaba (SP) com novo terminal
TAP transportou quase 10 milhões de passageiros no ano passado
Panalpina faz seu primeiro voo com Boeing 747-8F

A Associação Brasileira de Aviação Geral (ABAG) divulgou um estudo que mostra o crescimento da frota da aviação geral nacional. Segundo a entidade, o Brasil tem, atualmente, 13.094 aeronaves, incluindo de asa fixa e rotativa, e o Sudeste é a região que concentra o maior número, com 5.601.

O segundo lugar fica para o Centro-Oeste, com 2.859 aeronaves, e, em terceiro, aparece o Sul, com 1.956. A frota de aviões da Região Norte conta com 1.522 aparelhos e o Nordeste aparece em último, com 1.121 unidades.

Apesar de figurar como a região com menor frota, o Nordeste apresentou o maior crescimento do número de aeronaves, comparando os anos de 2010 e 2011. A região cresceu 9%, contra 6% do Sudeste e Centro-Oeste.

Entre os Estados com maior frota, São Paulo aparece na frente com 3.652 aeronaves, seguido por Minas Gerais, 1.087, Mato Grosso, com 1.072, e Goiás, 899.

“Os dados começam a nos dar um registro histórico do crescimento da aviação geral no País e impressionam”, disse Ricardo Nogueira, diretor-geral da ABAG.

COMMENTS