São Paulo registra recorde de casos de roubo de carga

São Paulo registra recorde de casos de roubo de carga

Foram registradas 3.913 ocorrências no primeiro semestre de 2012, número 17% maior que no mesmo período de 2011

TruckPad e Foton celebram o Dia do Motorista em SP
Tire suas dúvidas sobre o BNDES Procaminhoneiro
Justiça derruba liminar que permitia aos transportadores gaúchos o uso da carta-frete

A Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo divulgou um balanço que indica um recorde negativo. O roubo de cargas no Estado registrou um aumento de 17% no primeiro semestre de 2012, em relação ao mesmo período do ano passado, chegando a contabilizar 3.913 ocorrências.

“As quadrilhas que roubam cargas estão se especializando e recorrendo a recursos tecnológicos que facilitam a ação. Por isso, é importante estar atualizado sobre as novas tecnologias e buscar o máximo de recursos que possam frustrar as tentativas de roubo”, explica Autair Iuga, vice-presidente do Sindicato das Empresas de Segurança Privada do Estado de São Paulo (Sesvesp) e presidente do Sindicato das Empresas de Escolta do Estado de São Paulo (Semeesp).

Em 2011, as 6.958 ocorrências de roubo de cargas registradas durante o ano causaram um prejuízo de quase R$ 300 milhões para o setor de transportes. Produtos alimentícios, eletroeletrônicos, cargas fracionadas e produtos farmacêuticos foram os principais itens roubados.

Desde que os dados sobre roubo de cargas começaram a ser tabulados no Estado, não se registrou um número tão alto de ocorrências.

COMMENTS