Com mudança no processo, Detran.SP bate recorde na emissão de CNHs

Foram confeccionados mais de 460 mil documentos de condutores, em julho, no Estado de São Paulo. Nos últimos 10 anos, houve aumento de 59% nas emissões

Contran estima melhora de 60% na aprovação de alunos de autoescolas em exames teóricos e práticos
Projetos CNH Social e Inserção de Novos Motoristas do Sest Senat têm seus primeiros beneficiados
Formação de novos motoristas poderá ser feita pela internet

O Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran.SP), órgão vinculado à Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Regional, tem investido na restruturação e na desburocratização de seus serviços, aplicando novas sistemáticas desde março de 2011.

Como resultado da reavaliação dos processos, somente no último mês de julho, mais de 460 mil Carteiras Nacionais de Habilitação (CNHs) foram emitidas em todo o Estado de São Paulo, o maior número já registrado na história do departamento, em um único mês.

No mesmo período do ano passado, foram emitidos 396 mil documentos, apontando um crescimento de 16%. O índice contempla a emissão de 1ª habilitação, 2ª via e renovação do documento, além da CNH Definitiva e da Permissão Internacional para Dirigir (PID).

Na última década, entre 2001 e 2011, houve aumento de 59% na emissão de CNHs no Estado de São Paulo: em 2001 foram 2,8 milhões de documentos emitidos, enquanto em 2011 foram 4,5 milhões. O Estado possui mais de 20 milhões de motoristas habilitados, 5,8 milhões registrados na Capital.

O Detran.SP encaminha ainda, mensalmente, cerca de 50 mil cartas com orientações aos condutores com Permissão para Dirigir (concedida pelo período de um ano) que estejam aptos a substituir o documento pelas CNH definitiva.

COMMENTS