Hamburg Süd batiza porta-contêineres “Santa Ursula” no Brasil

Embarcação vai operar no serviço entre Ásia/Sul da África e Costa Leste da América do Sul com a exportação brasileira de frutas frescas, legumes, carnes, aves, bulbos de flores e produtos farmacêuticos

Hamburg Süd batiza porta contêineres com nome de estado brasileiro
Porto de Santos (SP) fecha semestre com volume recorde de 44,8 milhões de toneladas
Hamburg Süd adquire seis porta-contêineres para operações na América Latina

A Hamburg Süd batizou no Porto de Santos (SP), o porta-contêineres da classe Santa, chamado de “Santa Ursula”. O título de madrinha da embarcação foi concedido à vice-presidente da Marfrig Alimentos S/A, Marcia A. M. dos Santos.

O “Santa Ursula” é o oitavo navio de uma série de dez porta-contêineres idênticos. Com comprimento total de 300 metros e largura de 42,8 metros, tem capacidade para 7.100 TEUs cada e está equipado com 1,6 mil tomadas reefer para contêineres refrigerados. O “Santa Ursula” deve operar na distribuição das exportações brasileiras de frutas frescas, legumes, carnes, aves, bulbos de flores e produtos farmacêuticos.

Após sua entrega no estaleiro da Daewoo Shipbuilding & Marine Engineering, na Coreia do Sul, o “Santa Ursula” foi empregado no serviço entre Ásia/Sul da África e Costa Leste da América do Sul. Ele é o quarto navio dos 140 anos de história da Hamburg Süd a receber esse nome.

Dados técnicos do “Santa Ursula”:

Capacidade: 93,430 tdw
Capacidade dos contêineres: 7.100 TEUs
Plugs para contêineres refrigerados: 1,600
Comprimento total: 299.9 m
Comprimento entre perpendiculares: 286.8 m
Largura: 42.8 m
Calado máximo: 13.5 m
Velocidade: 22.2 kn
Potência do motor principal: 41,180 kW

COMMENTS