Cummins desenvolve gerador de bordo para mercado marítimo

Equipamento permite o controle e gerenciamento dos custos operacionais com a análise abrangente de seu funcionamento. Sistema faz o monitoramento da embarcação via satélite

Ford terá Arla 32 produzido pela Cummins Filtration
Porto de Paranaguá recebe 20 caminhões blindados Navistar
MAN produzirá motores no País e projeta forte expansão

A Cummins Marine, divisão de negócios marítimos da Cummins, colocou no mercado um novo gerador de bordo, projetado para aplicações marítimas. O equipamento, denominado Cummins QSM 11-CP, está disponível nas potências de 250 kWe e 300 kWe.

Segundo a empresa, o gerador pode ser utilizado por todo tipo de embarcação, desde barcos cuja finalidade é o transporte de passageiros e de pesca, até navios petroleiros e plataformas flutuantes. O novo gerador QSM 11-CP atende às normas de emissões vigentes, IMOTier II e EPA Tier 2.

O novo equipamento tem como item de serie o painel C-Command, que permite que os operadores marítimos controlem todos os parâmetros do grupo gerador, além de gerenciar os custos operacionais, monitorando todo o funcionamento, como rotação, consumo de combustível, período de parada para manutenção e temperatura de óleo e água.

Além disso, o C-Command da Cummins permite o monitoramento da embarcação via satélite. “Trata-se de um produto altamente eficaz que auxilia o dia-a-dia do usuário e trabalha de forma preventiva”, afirma Marchetti.

Atualmente a Cummins Marine oferece uma linha de geradores de bordo e geradores de emergência, com potências que variam de 80 kw a 1.825 kw. No total são oito modelo disponíveis.

COMMENTS