Panalpina e RedPrairie firmam parceria estratégica de logística

Panalpina utilizará o know-how da RedPrairie em gerenciamento de inventário, de transporte e da força de trabalho

China surpreende e encerra janeiro com aumento de 7,9% nas exportações
Rolls-Royce vai fornecer propulsores para balsas na Escócia
Divisão Global de Freight Forwarding da UPS tem novo presidente

A Panalpina, operadora logística especializada em fretes aéreo e marítimo, acaba de firmar uma parceria estratégica com a empresa de logística RedPraire. Os serviços de suporte da  RedPrairie serão integrados ao sistema da Panalpina com o objetivo de fortalecer a oferta de Serviços de Valor Agregado (VAS) de Logística.

A Panalpina utilizará o know-how da RedPrairie no Gerenciamento de Inventário, Gerenciamento de Transporte e Gerenciamento da Força de Trabalho. Essas soluções permitirão que a Panalpina rastreie e gerencie o inventário e desenvolva as soluções para movimentar bens por toda a cadeia de suprimento. Os primeiros clientes que irão usufruir da parceria são os dos segmentos de alta tecnologia, automotivo e de saúde.

Os serviços de valor agregado (VAS) têm um papel cada vez mais importante para a cadeia de suprimentos integrada aos clientes. Ao combinar a VAS com seus serviços de Frete Aéreo e Marítimo, a Panalpina poderá aprimorar as soluções oferecidas aos seus clientes. “O know-how da RedPrairie nos dá uma plataforma global padronizada para logística e a capacidade de oferecer soluções customizadas e flexíveis a nossos clientes em áreas essenciais de VAS, como Entrada para Manufatura, Serviços de Produção e Adiamento e de Distribuição e Pós-Vendas”, explica Mike Wilson, chefe de Logística Global da Panalpina.

“A flexibilidade é uma parte essencial de nossa ampla oferta de tecnologia”, confirma Mike Mayoras, CEO da RedPrairie. “A Panalpina poderá escolher um amplo portifólio de soluções e serviços que atendem às necessidades específicas de seus clientes, beneficiando-se de nossos aplicativos para cadeia de suprimentos e nosso know-how de processos”.

COMMENTS