Coteminas compra 89 Actros da Mercedes-Benz

Indústria têxtil mineira realizou a compra das unidades do modelo Actros 2646 6x4 para o transporte de algodão e produtos prontos, entre suas fazendas e unidades industriais

Mercedes-Benz fornecerá 2,5 mil Actros para empresa chinesa
Mercedes-Benz lança Actros com motor V8
Banco Mercedes-Benz reduz taxa para financiamento dos modelos da linha Actros

A Coteminas, uma das maiores indústrias têxteis do País, acaba de comprar 86 unidades do caminhão extrapesado Actros 2646 6×4, da Mercedes-Benz. Segundo a montadora, que anunciou o negócio, os caminhões serão utilizados pelo cliente para transportar algodão e produtos têxteis, de suas fazendas em Minas Gerais, Mato Grosso e Goiás, para suas unidades industriais.

Além disso, a Coteminas também utilizará a frota ampliada para o transporte de produtos entre suas fábricas e seus centros de distribuição nas regiões Sudeste, Nordeste e Sul.

“Mais de 40 unidades desse expressivo volume de caminhões Actros já foram entregues ao cliente no mês de abril e a programação é concluir a entrega ainda neste primeiro semestre do ano”, afirma Joachim Maier, vice-presidente de Vendas da Mercedes-Benz do Brasil. “Todos os caminhões são modelo 2012, equipados com a exclusiva tecnologia Mercedes-Benz Bluetec 5, e produzidos em nossa nova fábrica em Juiz de Fora (MG). A Coteminas passa assim a ser o maior frotista de Actros rodoviário no Brasil”, diz o executivo da Mercedes.

De acordo com Pedro Garcia Bastos Neto, vice-presidente industrial da Coteminas, alguns fatores foram fundamentais para a escolha do Actros: “Além da confiabilidade do produto e do reduzido consumo de combustível, pesaram positivamente para nossa escolha a força e a tradição da marca Mercedes-Benz”, afirma. “Apesar de existirem modelos concorrentes, acreditamos e confiamos na superioridade apresentada pelo Actros em relação ao que existe no mercado brasileiro. Reconhecemos que seus atributos asseguram mais valor e segurança para a nossa frota e nossa operação de transporte”, comenta o cliente.

Segundo a Mercedes-Benz, a venda dos caminhões para a Coteminas foi realizada por meio da concessionária Cardiesel, de Belo Horizonte. O valor do negócio não foi divulgado.

COMMENTS