Transportadora gaúcha investe em treinamento dentro de casa

Confira a entrevista com a coordenadora de Gestão de Pessoas da Transportadora Panex sobre as iniciativas de capacitação da empresa

Transportes Panex investe em capacitação para suprir defasagem do mercado
Librelato realiza treinamento no SEST SENAT de olho na performance de vendas
Infraero promove treinamento para bombeiros no Aeroporto Internacional de Confins (MG)

O Portal Transporta Brasil entrevistou a coordenadora de Gestão de Pessoas da Transportadora Panex, Vanessa Slaviero, para falar sobre algumas medidas tomadas pela empresa para a capacitação de seus colaboradores e também sobre o problema crônico da falta de mão de obra qualificada. Leia a entrevista na íntegra:

Portal Transporta Brasil: Como o problema da falta de mão de obra qualificada para o transporte afeta as operações da Panex?

Vanessa Slaviero: A falta de mão de obra é uma realidade geral em todas as empresas e, por isso, a Panex investe em qualificação da equipe. Além disso, faz uma seleção criteriosa na área comportamental para que seja possível investir em treinamento, desenvolvendo as habilidades técnicas.

Portal Transporta Brasil: Este problema foi o motivo de a empresa criar programas próprios de treinamento?

Vanessa Slaviero: Sim. Para a Transportes Panex é um desafio e por isso a empresa está investindo na própria equipe, que já está focada nos interesses do negócio e disposta a aprimorar as habilidades em prol do desenvolvimento do empreendimento.

Portal Transporta Brasil: Qual é o investimento da empresa para o treinamento?

Vanessa Slaviero: A empresa prefere não divulgar esse dado em valores, mas investe muito no desenvolvimento dos seus colaboradores como, no caso do PDCP (Programa de Desenvolvimento de Compêtencias Panex), que é um programa que visa desenvolver as competências técnicas e comportamentais afim de aprimorar a visão estratégica do negócio.

Portal Transporta Brasil: Há falta de motoristas qualificados na empresa?

Vanessa Slaviero: Há falta de motoristas qualificados no mercado e não só na empresa. Consciente dessa realidade, a Panex investe na promoção interna, pois entende que preparar bem o colaborador é uma questão primordial para o sucesso do negócio e uma responsabilidade. A Transporte Panex é uma empresa certificada como Transportadora da Vida, selo concedido pela Fundação Thiago de Moraes Gonzaga em parceria com o SETCERGS, às empresas de transporte e logística que se dedicam na promoção e atuam na construção de um trânsito mais humano e seguro.

Portal Transporta Brasil: Como a Panex está lidando com esta questão?

Vanessa Slaviero: A empresa identifica a necessidade e investe na qualificação dos colaboradores, que se dedicam ao treinamento como multiplicadores dos menos experientes.

Portal Transporta Brasil: Quais as vantagens de ter treinamento próprio na empresa?

Vanessa Slaviero: O treinamento próprio permite o fortalecimento do espírito de equipe, manutenção da expertise da empresa e o desenvolvimento individual de cada profissional diante de suas potencialidades.

Portal Transporta Brasil: Existem treinamentos na área operacional?

Vanessa Slaviero: A ênfase no operacional é que garante a eficácia do atendimento direto com o cliente, pois temos segurança sobre a qualificação do profissional treinado na empresa.

A Transporte Panex tem, atualmente, 600 colaboradores distribuídos em 8 filiais e opera o transporte de cargas secas e fracionadas para o Sul e Sudeste, operando com 400 caminhões de frota própria. A empresa não trabalha com agregados.

COMMENTS