Boeing e Strata assinam contrato de dez anos para produzir estruturas para o 777 e o 787 Dreamliner

Empresa árabe irá produzir estruturas que evitam a deformação das asas para o 777 e estabilizadores verticais para o 787 Dreamliner

Antonov estuda fornecer 70 novas aeronaves em cinco anos
Azul inicia conexão entre Cuiabá (MT) e Porto Velho (RO)
DHL lança serviço LCL do Japão para o Brasil

A Boeing e a Mubadala Aerospace divulgaram a consolidação de um acordo de dez anos com a Strata Manufacturing, a unidade de estruturas compostas da Mubalada Aerospace, para a produção de estruturas aeroespaciais para o 777 e 787 Dreamliner.

No primeiro contrato direto da Boeing com um fornecedor de compostos no mundo Árabe, a Strata irá produzir estruturas que evitam a deformação das asas para o 777 e estabilizadores verticais para o 787 Dreamliner. A Boeing já começou a fornecer ferramentas e treinamento prévio para o início do fornecimento e a entrega dos componentes por parte da Strata está programada para começar em 2013.

Além disso, as empresas anunciaram um acordo estratégico para posicionar a Strata como um futuro fornecedor do estabilizador vertical para o Dreamliner.

“Os Emirados Árabes Unidos são importantes clientes da Boeing nas áreas de Defesa e Aviação Comercial e seus líderes têm transformado sua economia com investimentos e desenvolvimento aeroespacial”, afima Jim Albaugh presidente e CEO da Boeing Commercial Airplanes.”A Boeing está comprometida por muitos anos a construir uma parceria com a Mubalada Aerospace que traga benefícios de longo prazo para as duas empresas. E estamos satisfeitos que uma empresa do grupo, a Strata, irá agora apoiar a produção do 787 Dreamliner e do 777″.

A relação entre Boeing e Mubadala, unidade de negócios do grupo Mubadala Development Company, do país árabe, Abu Dhabi, é um canal de desenvolvimento e investimento do governo do país para o avanço da indústria da aviação comercial nos Emirados Árabes Unidos e, posteriormente, tornar Abu Dhabi um hub aeroespacial global, parte chave dos planos para a diversificação econômica do país.

COMMENTS