Randon vai fornecer mais de 400 veículos ao Ministério do Desenvolvimento Agrário

Fabricados pela Randon Veículos, os equipamentos serão utilizados em canteiros de obras do governo federal no Norte, Nordeste e Centro-Oeste, para cumprir o planejamento do PAC. Negócios do início de 2012 totalizam R$ 100 milhões

Goiânia restringe caminhões pesados no centro
Governo autoriza estudo sobre hidrovia no Tocantins
Centro-Oeste precisa de R$ 36,4 bilhões até 2020 para aprimorar escoamento

A Randon Veículos vai fornecer 413 retroescavadeiras modelo RD 406 Advanced, com tração 4×4, para o Ministério do Desenvolvimento Agrário, que serão utilizadas em canteiros de obras do PAC2 nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste. A empresa considera este um dos maiores negócios realizados em sua história.

Segundo a fabricante, o primeiro lote, de 18 equipamentos, foi entregue esta semana, em Rondônia, pelo Ministério. O pedido, de grande porte, vai demandar adequações na estrutura da fábrica e a entrega das retroescavadeiras vai acontecer em três lotes, até julho deste ano.

As retroescavadeiras RD 406 Advanced da Randon Veículos são destinadas à aplicação em obras de infraestrutura e construção civil e trazem novidades no design e em outros itens, como trava de lança, sistema hidráulico e tomadas de pressão.

Além da venda para o Ministério do Desenvolvimento Agrário, a Randon Veículos também anunciou a aquisição de três caminhões RDP 470 pela Companhia Riograndense de Mineração (CRM), controlada pelo governo gaúcho, e 14 caminhões RDP 490 para a Usiminas. Os três negócios ultrapassam os R$ 100 milhões.

COMMENTS