Petrobras bate recordes de vazão de gás ao mercado em 2011

Estatal atingiu níveis jamais antes atingidos, superando as marcas anual, mensal e diária de oferta do combustível

Projeto autoriza uso de biodiesel puro como combustível
Petrobras investirá mais de R$ 7 bi na indústria naval até 2015
Volvo amplia a frota de ônibus híbridos na Suécia

A Petrobras, em 2011, bateu um novo recorde na entrega de gás natural ao mercado. No período, a estatal alcançou vazão média de 37 milhões de metros cúbicos por dia (m3/d) do combustível. Novos recordes mensal e diário também foram atingidos: em dezembro, a vazão ofertada foi de 42,4 milhões de m3/d, e no dia 23 desse mesmo mês, foram ofertados 46,1 milhões de metros cúbicos.

“O expressivo crescimento da oferta de gás nacional observado nos últimos anos é fruto de uma série de investimentos realizados no desenvolvimento de projetos de produção de gás natural, por meio do Plano de Antecipação da Produção de Gás (Plangás). No âmbito do programa, vários novos campos começaram a produzir desde 2008 nas Bacias do Espírito Santo, de Campos e de Santos, com destaque aos campos de gás não associado de Canapu e Camarupim”, divulgou a companhia por meio de nota.

O aumento na oferta foi possível graças à entrada em produção dos campos de Mexilhão, Uruguá e Tambaú, na Bacia de Santos, e também ao início das operações da Unidade de Tratamento de Gás de Caraguatatuba e do Gasoduto Caraguatatuba-Taubaté (SP). Ainda na Bacia de Santos, o início do aproveitamento do gás do pré-sal, com o escoamento da produção do campo de Lula, também teve destaque.

COMMENTS