Boeing recebe maior pedido de sua história, avaliado em R$ 38 bi

Companhia asiática Lion Air encomendou 230 aeronaves, fazendo deste um recorde jamais registrado pela fabricante

Congonhas (SP) aumenta exigência por pontualidade das empresas aéreas
Gol será um dos maiores operadores do novo Boeing 737 MAX
Terminais aeroportuários do RS renovam licenças ambientais

A fabricante de aeronaves Boeing e a empresa aérea Lion Air, da Indonésia, finalizara, na terça-feira (14), o pedido de 201 aviões modelo 737 MAXs e 29 Next-Generation 737-900ERs. O acordo inclui ainda a opção de compra de mais 150 aparelhos.

Com um pedido total de 230 aeronaves, avaliado em R$ 22.4 bilhões (cerca de R$ 38,4 bilhões), este é o maior pedido de aviões já feito em toda a história da Boeing em valores e números de aparelhos. “Estamos empolgados em ser a primeira companhia asiática a utilizar o 737 MAX e também de sermos os primeiros do mundo a voar com o 737 MAX 9”, aafirma Rusdi Kirana, fundador e presidente da Lion Air.

COMMENTS