Terminais aeroportuários do RS renovam licenças ambientais

Aeroportos de Bagé, Uruguaiana e Pelotas receberam certificação da Fundação Estadual de Proteção Ambiental Henrique Luiz Roessler (FEPAM) já que estão de acordo com as normas de proteção ao meio ambiente

Azul finaliza processo de devolução dos turboélices ATR 72-200
Etihad Cargo recebe três novos cargueiros e passa a operar em Viracopos (SP)
Boeing terá centro de pesquisa e tecnologia aeroespacial em São José dos Campos (SP)

Na quinta-feira (26), a Empresa de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) publicou no Diário Oficial da União a renovação da Licença Ambiental de Operação de três terminais aéreos do sul do País. São eles os aeroportos internacionais de Bagé (Comandante Gustavo Kraemer), de Uruguaiana (Rubem Berta) e de Pelotas (RS).

Concedida pela Fundação Estadual de Proteção Ambiental Henrique Luiz Roessler (FEPAM), a licença certificou que os aeroportos da Regional Sul supracitados estão de acordo com as normas de proteção ambiental, controle e utilização racional dos recursos ambientais, estando aptos a operarem. Essas licenças têm validade até novembro de 2015.

Responsabilidade pela coleta de resíduos sólidos, obrigatoriedade de passar os líquidos oriundos das atividades do aeroporto por caixa separadora de água e óleo, antes de serem encaminhadas ao destino final e proibição de mudanças nos ecossistemas naturais sem autorização prévia são algumas das condicionantes presentes nas licenças. “Apesar da realização de grandes obras, seguimos a diretriz da preservação ambiental e da sustentabilidade”, disse Francisco Camejo, superintendente do Aeroporto de Bagé.

COMMENTS