Diesel S50 sobe aproximadamente cinco centavos nas refinarias

Aumento do combustível que atende às exigências do Proconve P7 pode desestimular compra de veículos novos

Agrale inicia produção de caminhões em nova fábrica no Espírito Santo
Chineses da Foton terão S-50 e Arla 32 para os clientes
Porto Alegre (RS) estuda proibição de caminhões pesados no Centro

Segundo a Fecombustíveis (Federação Nacional do Comércio de Combustíveis e de Lubrificantes), o preço de custo do diesel S50 aumentou em aproximadamente cinco centavos.

Alta ocorreu por conta de um reajuste nas refinarias, que entrou em vigor no último dia 28/11 e vale para todo o Brasil. Com o acréscimo, a diferença entre o diesel S50 e o S1800 pode chegar a quase 7 centavos.

O S50 é o diesel de baixo teor de enxofre (com apenas 50 partes por milhão) que passará a ser comercializado em todo o Brasil a partir de janeiro de 2012, atendendo às determinações Proconve P7. Por conta do aumento, há um receio de desestimularão da aquisição de veículos novos com motor Euro 5, que já estão sendo comercializados pelas montadoras.

O S50 é comercializado no Brasil desde janeiro de 2009, mas seu uso está restrito a frotas urbanas de algumas regiões e aos postos das áreas metropolitanas de Belém (PA), Fortaleza (CE) e Recife (PE), locais onde o combustível substituiu o S500.

COMMENTS