GM abre programa de demissão voluntária

Ação abrange funcionários mensalistas e horistas

Coluna Autos Giros 2020 – com Daniel Jacques
17º Passeio Ciclístico Dia do Chevrolet reúne cerca de três mil em São Caetano do Sul (SP)
GM dobra montante do plano de investimentos para mercado brasileiro

 A GM do Brasil anunciou, por meio de nota, um novo programa de demissão voluntária. Ele abrange os empregados mensalistas (da área administrativa) e horistas (da linha de produção), da fábrica de São José dos Campos, no interior de São Paulo. A montadora ainda não informou a quantidade de vagas que serão fechadas.

A justificativa da empresa é a intensa competitividade do mercado brasileiro de automóveis, além dos crescentes custos de mão de obra, matérias-primas e insumos em geral. A “concorrência assimétrica” também é citada como um fator importante para essa decisão.

COMMENTS