DNIT lança Atlas Multimodal

DNIT lança Atlas Multimodal

Publicação faz a integração das obras do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) na área de transportes com as unidades de conservação e terras indígenas

Atlas investe R$ 18 milhões em caminhões e implementos
Atlas quer faturamento bilionário até 2015
Atlas renova apoio ao projeto Doutores da Alegria

O DNIT, por meio da CGMAB (Coordenação Geral de Meio Ambiente), e em conjunto com a UFPR (Universidade Federal do Paraná), lançou recentemente a primeira edição do Atlas Multimodal, publicação que faz a integração das obras do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) na área de transportes com as unidades de conservação e terras indígenas.

Em 63 páginas, a edição apresenta os mapas de todos os 26 Estados do País e do Distrito Federal em sua projeção cartográfica. Em cada um deles constam a capital, as principais cidades, as rodovias federais e estaduais existentes, as rodovias federais e estaduais planejadas, as ferrovias existentes e planejadas, os portos e hidrovias.

O atlas também destaca as unidades de conservação municipal, estadual e federal, além da massa de água existente.

As unidades de conservação, de acordo com a legislação federal, correspondem ao espaço territorial e seus recursos ambientais, incluindo as águas jurisdicionais, com características naturais relevantes, legalmente instituído pelo Poder Público, com objetivos de conservação e limites definidos, sob regime especial de administração, ao qual se aplicam garantias adequadas de proteção.

O livro contém lâminas transparentes, que podem ser sobrepostas aos mapas dos Estados, para serem destacadas as obras do PAC.

Na edição online, estas lâminas estão nas páginas ímpares, enquanto os estados referentes estão nas páginas pares.

O Atlas Multimodal também ficará disponível no site do DNIT.

Com informações do DNIT

COMMENTS