Cumbica inaugura espaço para 1 milhão de passageiros

Cumbica inaugura espaço para 1 milhão de passageiros

Novo ambiente no aeroporto Internacional de Guarulhos teve investimento de R$ 2,8 milhões e se apresenta como paliativo para a alta da demanda de passageiros.

Aeroporto de Viracopos é o segundo com maior crescimento no mundo em 2010
Lufthansa amplia check-in automático para quase 400 rotas
Infraero autoriza construção de terminal de logística de carga no Aeroporto de Palmas (TO)

Terminal paliativo foi chamado de "puxadinho" pela imprensa

A Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) acaba de inaugurar a operação do Módulo Operacional de Embarque do Aeroporto Internacional Governador André Franco Montoro, em Guarulhos (SP).

Em seus 1.200 metros quadrados, esse novo ambiente terá capacidade para receber 1 milhão de passageiros por ano. Atualmente, o aeroporto, que tem estrutura para receber 20,5 milhões de pessoas anualmente, recebe 30% a mais que isso.

Com investimento de R$ 2,8 milhões, o novo espaço, projetado para o melhor aproveitamento da luz natural, disponibilizará seis portões de embarque, sistema de monitoramento eletrônico de segurança, monitores do Sistema Informativo de Voo, ar condicionado, sanitários, lanchonete, tomadas elétricas, sistema de som e itens de acessibilidade, como rampas de acesso, sanitário adaptado e piso tátil. Ele atenderá três companhias aéreas, a Avianca, a Passaredo e a Webjet.

A solução aparece como paliativo para o aumento da demanda e falta de infraestrutura aeroportuária no Brasil, tanto para passageiros quanto para o transporte de cargas. Campinas, Brasília e Vitória são as próximas cidades  a terem módulos como esse inaugurados.

“Isso fica, ainda, aquém do que Guarulhos precisa”, reconhece Gustavo do Vale, presidente da Infraero. Mas, segundo ele, outro terminal será levantado ainda este ano para tentar diminuir ainda mais o gargalo. “Estamos investindo na construção do terminal remoto que vai surgir onde era o terminal da Vasp. Esse terminal nos dará um acréscimo de 5,5 milhões de passageiros fazendo com que não tenhamos os problemas que temos hoje em Guarulhos já por ocasião do próximo Natal e Ano Novo.”

3º Terminal

As obras do terceiro terminal de passageiros do Aeroporto de Guarulhos foram iniciadas em agosto. No momento, está sendo feito a terraplanagem do terreno para preparar o espaço para a construção do pátio de aeronaves e também o edifício, que abrigará os balcões das companhias.

Coordenadas pela Infraero, as obras têm prazo de execução de 18 meses e contam com investimento de R$ 417 milhões. Em 2014, a primeira parte deve ser inaugurada, que corresponde a 40% do total das construções. O terminal completamente finalizado tem previsão de entrega para 2016. “O povo brasileiro pode confiar na Infraero porque ela dará conta do recado e estará rigorosamente a postos quando os grandes eventos internacionais chegarem ao Brasil nos próximos três anos”, diz Vale.

“Até a copa de 2014 esse aeroporto terá duplicado a capacidade. Ele vai passar de 24 milhões para mais de 50 milhões  de passageiros. Se ele é grande hoje, vai ser muito maior daqui três anos. Além disso, a Infraero está fazendo um programa enorme no Brasil. O canteiro de obras é no País inteiro. Hoje, a Infraero tem um orçamento de cerca de R$ 7,2 bilhões para aplicar no Brasil até 2014, não só para atender as obras da Copa, mas para atender ao usuário. É importante atender o dia a dia do usuário”, detalha Vagner Bittencourt ministro da Aviação Civil.

COMMENTS