Penske Logistics firma acordo com LG Eletronics

Operadora logística trabalhará no processo de armazenamento e distribuição dos produtos no Brasil; três Centros de Distribuição serão utilizados nas operações

ARTESP firma acordo com o governo do PR para fornecer tecnologia de pagamento eletrônico de pedágio
Rolls-Royce fornecerá motores para 25 aeronaves da Air France-KLM Group
ID Logistics firma acordo com a europeia Go Sport

A Penske Logistics foi contratada pela LG Eletronics, fabricante de aparelhos eletroeletrônicos, para ser a operadora logística que trabalhará no processo de armazenamento e distribuição de seus produtos no Brasil.

De acordo com o contrato, a LG ocupará três Centros de Distribuição gerenciados pela operadora. Um deles está localizado em Cajamar (SP), com 37.500 m2 de área; outro no município de Jaboatão dos Guararapes (PE), com 13.000 m2 de área; e, por último em Salto (SP), com uma área total de 33.000 m2 reservada exclusivamente para o estoque de produtos LG.

“A decisão pela Penske Logistics ocorreu devido à superioridade técnica, larga experiência no setor de eletroeletrônicos, instalações que contemplam os altos padrões exigidos pela LG, além de os Centros de Distribuição estarem localizados em pontos estratégicos para o escoamento dos produtos LG”, afirma Carlos Neto, gerente de Logística da LG Electronics Brasil.

Mensalmente, a operadora logística irá manejar mensalmente diversas linhas de produtos LG incluindo TVs, DVDs, lavadouras, refrigeradores entre outros. Para suprir a demanda das operações, a empresa contratou 320 pessoas para suportar os três centros de distribuição anunciados, além de oferecer à LG ferramentas de monitoramento em tempo real dos armazéns e fluxo logístico dos produtos, o que possibilita à fabricante supervisionar as operações.

“Nossa análise estratégica do mercado logístico brasileiro, alinhado ao portfólio de produtos e necessidades mercadológicas da LG, apontou que a importância da dispersão geográfica dos centros de distribuição da LG Brasil para superar os desafios logísticos e ter maior agilidade para a entrega dos produtos. Temos uma operação bem sucedida desde o primeiro dia”, afirma Paulo Sarti, diretor-presidente da Penske Logistics no Brasil.

COMMENTS